II Seminário Internacional de Redução de Danos sobre o Tabagismo

Publicado:

Tempo de leitura: 3 minutos

O Vapor Aqui, o Instituto de Pesquisa e Apoio ao Desenvolvimento Social – IPADS, a Faculdade São Leopoldo Mandic e o Centro de Convivência É de Lei, com apoio da Philip Morris Brasil e da ABRAMD – A Associação Brasileira Multidisciplinar de Estudos sobre Drogas, convidam você a participar do II Seminário Internacional de Redução de Danos sobre o Tabagismo, a ser realizado online nos dias 10 e 11 de novembro de 2020.

II Seminário Internacional de Redução de Danos sobre o Tabagismo

De políticas de redução de danos às alternativas para tratar os tabagistas, o evento trará também a visão do usuário do tabaco e sua trajetória por produtos de risco reduzido.

Para promover o debate, ampliar e disseminar informações sobre políticas de redução de danos no tabagismo, acontece nos dias 10 e 11 de novembro, das 19h às 21h30, o II Seminário Internacional de Redução de Danos sobre o Tabagismo.

O evento, gratuito, será online e direcionado para acadêmicos, pesquisadores, jornalistas, especialistas na área de redução de danos e todos que tenham interesse sobre o tema.

Durante o seminário, serão abordadas políticas públicas de controle ao tabagismo, legislação brasileira ao direito e conhecimento às alternativas de risco reduzido e novos produtos de tabaco sem combustão, voltados para diminuir danos à saúde do adulto fumante, sem exigir deles a abstinência.

Profissionais que lidam diariamente com o tema trarão suas experiências e as alternativas disponíveis mundialmente para tratar os tabagistas, que também serão ouvidos e estarão presentes na discussão, abordando suas vivências e como têm buscado alternativas à combustão do cigarro.

O seminário contará com palestrantes nacionais e internacionais, entre eles, o jornalista e especialista em produtos para consumo de nicotina com riscos reduzidos Alexandro Lucian; a psicóloga clínica e mestre em psicologia social, Mônica Gorgulho; o advogado e Secretário Executivo da Plataforma Brasileira de Política de Drogas, Cristiano Avila Maronna; o presidente do Centro de Legislação, Política e Ética em Saúde e membro do Conselho de Liderança Global da Escola de Saúde Pública da Universidade de Boston, David Sweanor; e o Ph.D em Harvard em ciência política que desempenha um papel de liderança nos esforços de reforma das políticas de drogas nos Estados Unidos e globalmente, Ethan Nadelman.

Evento é promovido pelo portal Vapor Aqui, IPADS (Instituto de Pesquisa e Apoio ao Desenvolvimento Social), Faculdade São Leopoldo Mandic e o Centro de Convivência É de Lei, com apoio da Philip Morris Brasil e da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil/SP.

Data: 10 e 11 de novembro
Horário: das 19h às 21h30
Formato: Online
Inscrições gratuitas através do link: https://www.vaporaqui.net/seminario

Palestrantes:

● Leandro Narloch, jornalista e mestre em Filosofia pelo Birkbeck College, de Londres. É comentarista da Jovem Pan e autor do Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil e o Guia Politicamente
Incorreto da Economia Brasileira, entre outros livros que venderam mais de 1 milhão de exemplares desde 2009.

● Maria Angélica Comis, redutora de danos, psicóloga, mestre em psicobiologia pela UNIFESP; especialista em medicina comportamental e terapia cognitiva comportamental; professora universitária; coordenadora geral e de advocacy do Centro de Convivência É de Lei e ex-assessora de políticas públicas sobre álcool e drogas do município de São Paulo.

● Alexandro Lucian, publicitário, influencer e jornalista especializado em novas tecnologias para redução dos danos do tabaco, fundador do projeto VaporAqui.net com mais de 300 artigos escritos e
referência em cigarros eletrônicos no Brasil.

● Cristiano Avila Maronna, advogado. Mestre e doutor em direito penal pela USP. Secretário Executivo da Plataforma Brasileira de Política de Drogas. Conselheiro Seccional da OABSP. Membro do Conselho Regulador do Álcool. Representante da OABSP no CONED/SP.

● David Sweanor, presidente do Centro de Legislação, Política e Ética em Saúde, professor na Universidade de Ottawa e membro do Conselho de Liderança Global da Escola de Saúde Pública da Universidade de Boston. Desde os anos 80 trabalha com questões de saúde e políticas de tabaco.

● Ethan Nadelman, recebeu seu BA, JD e PhD em Harvard em ciência políticas, desempenha um papel de liderança nos esforços de reforma das políticas de drogas nos Estados Unidos e globalmente desde o final dos anos 1980.

● Rodolfo Fred Behrsin, pneumologista, professor adjunto da disciplina de pneumologia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO. Dr em ciências médicas pela Universidade Federal Fluminense UFF.

Moderadores:

● Thiago Lavras Trapé, Mestre e Doutor em Planejamento e Gestão em Saúde pelo Departamento de Saúde Coletiva da FCM/Unicamp. Docente da Faculdade São Leopoldo Mandic em Campinas, na área de Sistemas de Saúde e coordenador de projetos no IPADS.

● Monica Gorgulho, psicóloga clínica, mestre em psicologia social, ex-presidente da Rede Brasileira de Redução de Danos e ex-membro da diretoria-executiva da Associação Internacional de Redução de Danos. Graduada em Psicologia (1984), com Mestrado em Psicologia Social (2001), ambos pela USP (Universidade de São Paulo).

● Silvia Cazenave, doutora em Toxicologia e Mestre Análise Toxicológica FCF/USP. Ex-Superintendente de toxicologia da Anvisa e professora da PUC Campinas

Contamos com a sua importante presença!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Outros artigos

Cientista é banido de conferência sobre cigarros eletrônicos por difamação de organização anti-vaping

O sociólogo norueguês Karl Erik Lund foi banido de uma conferência que ajudou a organizar por conta de acusações infundadas.

Procura-se morte por cigarros eletrônicos e paga-se bem

Que tal ganhar mais de 30 mil reais provando que os cigarros eletrônicos já provocaram alguma morte no mundo?

A ideia de que os sabores dos cigarros eletrônicos fisgam as crianças é simples, convincente – e falsa.

Cigarros eletrônicos com sabores são motivo de muito debate, mas em muitos casos acabamos por ter que usar o princípio da assimetria da besteira.

A lei brasileira sobre os cigarros eletrônicos e o panorama do país nos dias atuais

Conheça em detalhes a lei brasileira sobre cigarros eletrônicos e a situação geral do país em relação aos produtos.

Newsletter

- Receba notícias em seu email

- Não compartilhamos emails com terceiros

- Cancele quando quiser

Últimas notícias

Paulo Jubilut, biólogo famoso com mais de 2.5 milhões de inscritos no Youtube, divulga vídeo com fake news sobre o vape

Da quantidade de nicotina no vape e nos cigarros até Acetato de Vitamina E, o biólogo não fez a pesquisa necessária para tratar do tema.

Decisão da ANVISA sobre cigarros eletrônicos pode ser anulada pela câmara dos deputados

Ex-diretora Cristiane Jourdan é acusada de "politização do processo" e "revanchismo" na tentativa de manter o cargo.

Vape é oportunidade de colaboração entre indústria e governo para combater tabagismo

Estudos apontam que o cigarro eletrônico desempenha importante papel na redução de danos do tabaco, apoiando a prevenção de recaídas e crises de abstinência; caso da Nova Zelândia é considerado exemplar

Aumenta a certeza de que DEFs são mais eficazes para parar de fumar do que adesivos e gomas de mascar de nicotina

Conclusão foi da Biblioteca Cochrane, referência no mundo em revisão de pesquisas de saúde.

Vídeo mostra que falta de regulação do mercado vaping estimula trabalho infantil na China

O mercado não regulado de vaporizadores alimenta uma indústria ilegal que explora crianças.