Image default
Artigos

Você sabe de onde veio seu vape?

Você provavelmente conhece bem o seu vape, domina as funções do chip do seu mod, desmonta seu atomizador, constrói sua própria coil. Mas já se perguntou de onde essas peças vem ou aonde são fabricadas?

A grande maioria dos equipamentos, mods e atomizadores, são fabricados no sul da China, mais precisamente na cidade de Shenzhen. Nos anos 70, a China criou uma zona econômica especial ali, algo parecido com a zona franca de Manaus, onde surgiram muitos polos de tecnologia. Um deles está localizado no distrito de Nanshan, é bem alí que ficam as fábricas de vape e cigarros eletrônicos, todas localizadas em uma mesma área, dentro de um grande parque industrial.

Os produtos chineses tem fama de serem de péssima qualidade, mas ao mesmo tempo, existem alguns que apresentam excelente qualidade, além de uma série de inovações e pesquisas avançadas nessa área. Uma dessas empresas é a SMOK ou Smoktech, fundada em 2010, é conhecida por ser inovadora no mundo do vapor, não somente uma das mais antigas, é uma das que mais lança produtos: popularizou as Dual Coils, introduziu o bluetooth nos mods e lançou o TFV4, um marco para a indústria dos atomizadores, possibilitando a produção de grandes quantidades de vapor através de um atomizador sub-ohm.

Junto com a SMOK, existem várias outras grandes empresas como Joyetech, Kangertech, Innokin, VOOPOO, IJoy, Aspire, Wotofo, Tesla, eLeaf e Wismec, na verdade, existem mais de 600 fabricantes de vapes e cigarros eletrônicos ali naquela pequena área.  

Mas se conhecemos apenas algumas poucas marcas que produzem equipamentos de qualidade, o que as outras centenas de fábricas estão produzindo?

Clones e produtos falsificados.


Os produtos falsificados são frequentemente feitos com peças mais baratas, sem nenhum controle de qualidade e seus fabricantes provavelmente não seguem as mínimas exigências de segurança. Os componentes eletrônicos dos mods são de baixíssima qualidade e você pode ter certeza que as baterias são piores ainda. Os clones são fabricados para se parecerem exatamente com o produto original mas em vez de aço inoxidável, o tanque pode estar sendo feito de um metal muito mais barato.

Sabe aqueles casos de explosões de cigarros eletrônicos? Eles tem grandes chances de terem sido causados por produtos falsificados.

Copiar e clonar produtos é uma prática comum na China, o governo local não tem controle, nem fiscalização sobre isso, restando ao comprador, a tarefa de verificar se o produto é original ou não. Muitas vezes, só depois de ter comprado, ao tentar verificar a originalidade, é que o site da fabricante avisa que aquele código de verificação já foi executado milhares de vezes. Para evitar os falsificados compre apenas de sites e vendedores de confiança, recomendados por outros membros da comunidade do vapor.

Ainda existem algumas marcas americanas que desenvolvem seus produtos nos Estados Unidos mas suas fábricas se localizam na China, como a Mig Vapor e a Woody Vapes.

Afinal, os produtos Chineses são bons ou ruins?


Linha de produção da Tobeco. Foto: Divulgação

Em Shenzhen, em uma mesma planta industrial, existem cerca de 600 fábricas de vapes e cigarros eletrônicos. Ali no meio, uma ou duas dezenas delas, estão fazendo um trabalho sério e com responsabilidade, as outras estão ali para copiar, falsificar e apenas ganhar dinheiro. Os produtos de empresas como IJoy, Kangertech, Joyetech, Smok e outras marcas de prestígio no mercado, são desenvolvidos sobre normas internacionais de segurança, tanto nas partes eletrônicas (CE) quanto a de líquidos (RoHS). Seus produtos são testados e avaliados antes de serem lançados, muitos problemas e defeitos são resolvidos e melhorados a cada nova versão e novas tecnologias aparecem a todo momento. Por outro lado, a grande maioria das indústrias, estão falsificando e clonando produtos, com materiais de origem duvidosa e muitas vezes sem qualidade nenhuma.

Como podemos influenciar esse mercado da pirataria?


Decidindo onde colocamos nosso dinheiro, essa é nossa arma mais poderosa! Ao comprar produtos falsificados você está colocando em risco sua saúde e até sua vida, além de financiar as indústrias que só visam lucro copiando produtos com baixa qualidade.

Procure vendedores de confiança, sites indicados nos grupos e por outros membros das comunidades de vapor.

Compre produtos originais, o desenvolvimento e o lançamento de novos produtos e tecnologias por essas empresas, dependem diretamente de suas vendas.

Artigos relacionados

Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação. Imaginamos que você esteja feliz com isso, mas caso não queira, você pode optar por não aceitar. Aceitar Leia mais

Assine nossa newsletter!

e fique ligado nas novidades

Saiba tudo o que acontece sobre o vaping no Brasil e no mundo. Seus dados não serão compartilhados e só vamos lhe avisar sobre coisas importantes e bem legais!