Image default
Marcas Notícias Vapor Gourmet

Vapor Gourmet – Brain Vape

Mais uma marca nacional que acrescentamos à nossa seção Vapor Gourmet, a BRAIN gentilmente enviou 5 líquidos para análise portanto apresentamos um review da marca em si, para que o público tenha uma ótica crítica servindo de base para potenciais consumidores.

Temos também análise completa da marca e de 3 sabores selecionados em nosso canal do YouTube que você pode conferir no vídeo abaixo:

A criatividade da marca é definida pelo nome BRAIN (cérebro em Inglês) cujos líquidos são todos nomeados por sensações, emoções ou sentimentos na língua Inglesa, incluindo os sete pecados capitais.

Os líquidos que recebemos chamam-se Vitality (vitalidade), Nostalgia (Nostalgia), Joy (alegria), Pride (orgulho) e Desire (desejo), uma apresentação bastante original que ainda não havíamos visto no mercado.

A marca divide seu cardápio em duas linhas distintas, líquidos para PODS com Nicsalt e outros para MODS com Freebase, porém oferece os mesmos 15 sabores em ambas.

São eles:

  • Trust: Tabaco com chocolate;
  • Pleasure: Pêssego e maracujá;
  • Vitality: Manga pura;
  • Desire: Tabaco caramelado;
  • Confidence: Tabaco seco;
  • Nostalgia: Tabaco e goiaba;
  • Modesty: Amora e mirtilo;
  • Serenity: Bala de uva;
  • Pride: Morango fresco;
  • Envy: Menta;
  • Lust: Morango cremoso;
  • Sloth: Kiwi e papaia;
  • Gluttony: Papaia e manga;
  • Purity: Bombom de morango;
  • Joy: Chocolate belga;
  • Altruism: Laranja e tangerina;

A marca faz um passeio por todo tipo de perfil de sabor, com frutados, doces e 4 tipos de tabacos o que é bem vindo pois apesar de serem sabores não tão aceitos pelo mercado brasileiro, agradam muito os fieis apreciadores como eu, com destaque ao Nostalgia que apresenta-se como uma receita de tabaco com goiaba que recebemos uma unidade e vamos analisar para descobrir se a combinação funciona.

Com um total de 3 líquidos com morango e dois produtos com papaia, o cardápio torna-se um pouco repetitivo em alguns perfis de sabor e surpreende-me que exista apenas 1 líquido mentolado em sua linha, tendência de muitas marcas pois são notas bem aceitas pelo mercado.

Os fracos são apresentados no material LDPE (Low-density polyethylene ou Polietileno de baixa densidade) da Chubby Gorilla, marca líder mundial em frascos para vaping e cá temos algumas considerações.

O frasco LDPE oferece a vantagem de ser mais macio na hora de apertar enquanto ainda mantém os mesmos mecanismos de segurança que os tradicionais frascos Chubby Gorilla V2 e V3 apresentam como tampa anti-crianças, plástico com grau alimentício, ponta fina e certificado de segurança de pressão. O maior problema está na falta de lacre. O produto não vem lacrado, cuja única proteção na tampa é o mecanismo anti-criança, mas não há nada para garantir que o líquido não foi aberto e utilizado, o que é um grande ponto negativo.

Gostaria que a marca analisasse a possibilidade de migrar para frascos com lacre ou pelo menos aplicasse um lacre plástico em volta do produto.

O rótulo possui boa qualidade gráfica, nada excepcional, cuja identidade visual é em sua maioria preta com elementos pintados em cores que tentam identificar o produto, porém devo criticar que essa identificação não é tão fácil principalmente em ambientes de pouca luz. Ao trabalhar à noite em frente ao computador apenas com a luz do monitor, identificar em cima da mesa qual líquido eu provaria em seguida se tornou um desafio.

No quesito informações do frasco, temos no rótulo praticamente tudo que é necessário saber na hora de consumir o produto:

  • Nome do produto;
  • Descrição do sabor;
  • Tipo de nicotina;
  • Variação do produto (original, fresh e ice) indicando que há possibilidade de variações geladas do mesmo sabor;
  • Blend de PG/VG;
  • Concentração de nicotina;
  • Quantidade de líquido do produto;
  • Logo da marca;
  • Site e mídia social;
  • Ingredientes;
  • Aviso de segurança que a venda é proibida para menores (em inglês);

Preciso apenas fazer 2 pequenas críticas, a existência de um aviso de segurança em inglês em um produto destinado ao mercado brasileiro e a falta de avisos de segurança que considero necessário, pelo menos o famoso e tradicional “mantenha longe de animais e crianças” pela questão de conter muitas vezes nicotina, que se ingerida pode causar graves problemas de saúde.

No geral, é um produto de boa apresentação, com as principais informações práticas para consumo e que só fica realmente devendo na completa falta de lacre o que para mim é uma falha de segurança.

Artigos relacionados

Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência de navegação. Imaginamos que você esteja feliz com isso, mas caso não queira, você pode optar por não aceitar. Aceitar Leia mais

Assine nossa newsletter!

e fique ligado nas novidades

Saiba tudo o que acontece sobre o vaping no Brasil e no mundo. Seus dados não serão compartilhados e só vamos lhe avisar sobre coisas importantes e bem legais!